top of page
  • Foto do escritorMariele Hertha

Luto Patológico: Entendendo os Sintomas e a Importância do Apoio Profissional

Atualizado: 21 de fev.

Mulher em luto, segurando um porta-retrato, e enxugando as lágrimas com um lenço

O luto patológico, também conhecido como luto complicado, luto prolongado ou luto persistente, é uma reação de luto que se diferencia do processo de luto normal devido à sua intensidade, duração e interferência significativa nas atividades diárias e no bem-estar emocional da pessoa.


Enquanto o luto é uma resposta natural à perda de um ente querido, o luto patológico envolve sintomas mais graves e persistentes.



Alguns dos sinais e sintomas incluem:


  1. Tristeza profunda, desespero ou raiva, que persistem por um período prolongado;

  2. Isolamento social, perda de interesse em atividades apreciadas;

  3. Dificuldade em aceitar a perda e incapacidade de seguir em frente;

  4. Problemas de sono, alimentação e autocuidado;

  5. Pensamentos autodestrutivos;

  6. Incapacidade de realizar tarefas diárias, trabalhar ou estudar;

  7. Sintomas físicos, perda de apetite, problemas digestivos, fadiga extrema ou dores inexplicáveis.


O luto patológico pode ocorrer em qualquer fase do processo de luto.


Fatores como relacionamento próximo com a pessoa falecida, circunstâncias da morte, história pessoal de saúde mental e falta de suporte social adequado podem contribuir para a manifestação.


Se você ou alguém que você conhece está passando por um luto patológico, é importante buscar ajuda de um profissional de saúde mental.


Com o apoio adequado, é possível navegar por esse processo difícil e encontrar maneiras de lidar com a perda.



© 2024 HERTHA Psiquiatria. Todos os direitos reservados. O material do blog pode ser reproduzido livremente, desde que citada a fonte.

5 visualizações

Comments


bottom of page